Tráfego de dados durante a COPA

O crescimento do tráfego de dados nas Copas desde 1998

Apesar de poucas mudanças no futebol desde 1998, a tecnologia e o setor de telecomunicações passaram por grandes mudanças durante as Copas do Mundo. Principalmente em relação ao tráfego de dados que aumentou significativamente no últimos anos.

Afinal, hoje temos fotos no Instagram, vídeos no WhatsApp, postagens no Facebook, Twitter, e outras redes sociais, que nos deixam atualizados a cada segundo. Essas e outras atividades que os usuários adoram fazer, ficam simples com smartphones na mão.

Para termos uma leve noção, na Copa deste ano no Brasil são esperados que 14.6 terabytes de dados trafeguem na rede do estágio na partida final. Esse valor viria de 74 mil torcedores compartilhando um vídeo em alta definição de um minuto.  Bem diferente da Copa de 1998 na França, onde o tráfego foi apenas de 2 megabytes na decisão do campeão, pois apenas 15 mil dos 80 mil torcedores tinham celulares e enviaram uma média de um SMS. Em 2006 na Alemanha, o tráfego foi de 30 GB na partida final, com 69 mil pessoas com celulares que enviaram fotos de 1.3 MP.

1

Estima-se que na Copa de 2022 em Catar, a partida final deve movimentar 1.3 petabyte de dados por 86 mil torcedores. O mais curioso é que a previsão seja de que os smarthphones no futuro sejam substituídos por dispositivos inteligentes vestíveis, como o Smartwatches, que serão capazes de transmitir vídeos do jogo em alta definição.

2

Fonte: http://www.tecnologia.terra.com.br

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s